As dificuldades se transformam em purpurina


"E então às duas da manhã, trocando uma fralda
que vazou não só na roupa mas também no lençol,
o seu presente chega em forma de riso nos olhos.
E como num passe de mágica as dificuldades se transformam em purpurina.
Que a gente joga para cima e faz festa.
E momentaneamente fica fácil esquecer que você está
mal vestida, mal banhada, um pouco calva,
levemente maluca, completamente surtada, e sem dormir..."
(trecho do livro 60 dias de Neblina)